Menu

Terapia da Fala

O Terapeuta da Fala é o profissional a quem compete a prevenção, avaliação, diagnóstico, tratamento e estudo científico da comunicação humana e das perturbações a ela associadas ao nível da fala e da linguagem mas também relacionadas com as funções auditiva, visual, cognitiva, oro-muscular, respiratória, deglutição e voz.


De facto, a comunicação engloba todas as funções associadas à compreensão e à expressão da linguagem oral e escrita, assim como todas as formas de comunicação não verbal e, nesse sentido, a intervenção da terapia da fala, para ser bem-sucedida, tem de abordar todas essas componentes da comunicação.

 

O papel da terapia da fala aplica-se no campo da linguagem, tratando situações de afasia (perturbação da linguagem resultante de lesão neurológica), atrasos no desenvolvimento da linguagem, perturbações específicas da linguagem falada e escrita, e no campo da fluência/voz, intervindo nas perturbações articulatórias (substituições, omissões ou outros erros no discurso das crianças), na disartria (perturbação da fala resultante de lesão neurológica), na apraxia (dificuldade em executar movimentos neuromusculares necessários à produção da fala), na disfluência (gaguez) e na disfonia (perturbação da qualidade vocal caracterizada por rouquidão, esforço vocal, maus hábitos vocais, má utilização do aparelho vocal).

 

A terapia da fala é ainda útil na abordagem e tratamento de problemas da deglutição, como a disfagia (dificuldade em engolir líquidos e sólidos).

Unidades de Terapia da Fala