Vacina da gripe: porquê, para quem e quando?

É a forma mais eficaz de prevenir esta doença que afeta, sobretudo, o aparelho respiratório. A vacina da gripe é fortemente recomendada para alguns grupos de pessoas.
Publicado por: CUF em
Tags: vacina contra a gripe , gripe , influenza
Homem com gripe porque não tomou a vacina contra a gripe

Causada pelo vírus Influenza, a gripe é "uma doença contagiosa que, maioritariamente, cura espontaneamente. Mas podem ocorrer complicações, particularmente em pessoas com doenças crónicas ou com 65 ou mais anos de idade", refere a Direção-Geral da Saúde (DGS), que acrescenta ainda que, recentemente, "a maior atividade gripal tem sido observada entre os meses de dezembro e fevereiro".

De entre as doenças que afetam as pessoas na idade adulta, a gripe é uma das mais frequentes e pode ser eficazmente prevenida através da vacinação.

 

Para que serve a vacina da gripe?

É a principal arma de prevenção contra a gripe em pessoas vulneráveis, prevenindo esta doença e todas as complicações que lhe possam estar associadas.

Segundo a DGS, a vacinação contra a gripe está fortemente recomendada para:

  • Pessoas com idade igual ou superior a 65 anos (também está recomendada a partir dos 60 em alguns grupos)
  • Doentes crónicos e imunodeprimidos (a partir dos seis meses de idade)
  • Grávidas
  • Profissionais de saúde e outros prestadores de cuidados (por exemplo, em lares de idosos)

 

Como adquirir a vacina da gripe?

A vacina está disponível, gratuitamente, nos centros de saúde para alguns dos grupos de risco. Quem não está abrangido pela vacinação gratuita pode adquiri-la nas farmácias, com a sob prescrição médica do seu médico assistente, beneficiando de comparticipação de 37%.

Nos centros de saúde, a vacina da gripe é administrada sem qualquer custo nos seguintes casos:

  • Idade igual ou superior a 65 anos
  • Residentes ou internados em instituições
  • Doentes crónicos como os que sofrem de diabetes mellitus ou fazem diálise

 

Informe-se junto do seu médico assistente se deve ser vacinado e onde pode ser administrada a vacina.

 

Como funciona a vacina da gripe?

A vacina da gripe faz com que o nosso corpo desenvolva anticorpos cerca de duas semanas após a sua administração. Estes anticorpos protegem-nos contra os vírus presentes na vacina do ano em causa, os vírus que serão os mais comuns nesse ano, durante a época da gripe.

 

Qual o momento certo para ser vacinado?

O período de vacinação é iniciado em outubro e todos os grupos de risco devem estar vacinados até ao final do ano, idealmente.

A vacinação anual é necessária, as pessoas devem ser vacinadas todos os anos contra a gripe. Isto acontece porque os vírus da gripe estão em constante mudança, o que faz com que a imunidade que a vacina nos oferece num ano não seja duradoura ou válida no ano seguinte.

 

Mesmo após a vacinação, é possível ter gripe?

Sim, mesmo após a vacinação, é possível ter gripe.

Dependendo de fatores como a idade ou o estado de saúde geral e sobretudo se os vírus presentes na vacina desse ano não coincidam completamente com os vírus dessa época de gripe. No entanto, mesmo que tenha gripe, a doença não deverá ser tão grave como seria se não tivesse sido vacinado.

 

A própria vacina pode causar doença?

Existe a ideia errada de que podemos "apanhar" gripe através da vacina. O que pode acontecer é o desenvolvimento de alguns efeitos que "imitam" os sintomas da gripe ou constipação:

  • Inchaço ou dor na zona onde foi administrada a vacina
  • Náuseas
  • Febre ligeira

 

Quem não deve ser vacinado contra a gripe?

Fale com o seu médico assistente antes de ser vacinado contra a gripe se é:

  • Alérgico a ovos: a maior parte dos tipos de vacina da gripe contém uma pequena quantidade de proteína do ovo.
  • Já teve uma reação alérgica grave à vacina da gripe: nestes casos, a vacinação não é recomendada.

 

Recorde que...

A vacina da gripe deve ser feita anualmente!