Unidade de Cefaleias

Unidade de Cefaleias

As dores de cabeça (Cefaleias) e as dores da face (Algias faciais) são os sintomas mais frequentes da população geral e um importante motivo de recurso aos cuidados médicos quer em consultas (gerais 26%; especializadas 12%) quer ao serviço de urgência (3%). São múltiplas as causas dessas dores, algumas graves e potencialmente fatais outras suficientemente severas, incapacitantes e perturbadoras da qualidade de vida das pessoas pelo que necessitam de um tratamento eficaz.

O tratamento depende de uma abordagem precoce e adequada a cada caso, com possibilidade de recurso a técnicas inovadoras, realizado por clínicos com experiência específica nesta área.

 

A Unidade de Cefaleias e Algias Faciais é uma organização multidisciplinar envolvendo as outras especialidades médicas com as quais se estabelecem normas de atuação e designado um interlocutor preferencial, nomeadamente:

 

  • Neurorradiologia - protocolos de imagiologia por RM na enxaqueca (corticografia-volume do cortex cerebral e estudo funcional e tratografia, quando for possível) e nas nevralgias do trigémio e glossofaringeo (contactos neurovasculares);
  • Neurofisiologia - protocolos de estudo do "blink reflex" na nevralgia do trigémio e potenciais evocados occipitais na nevralgia do occipital/cefaleia cervicogénica, polissonografia para pesquisa de apneia de sono e/ou pernas inquietas na cefaleia hípnica e cefaleias matinais;
  • Neuropatologia - estudo das biópsias de: pele nas suspeitas de CADASIL e da artéria temporal superficial nas suspeitas de arterites de células gigantes;
  • Neurogenética - estudo genético nas suspeitas de: Enxaqueca Hemiplégica Familiar (IBMC) e de CADASIL (Faculdade de Medicina do Porto);
  • Neurocirurgia - abordagem cirúrgica das nevralgias do trigémio e glossofaríngeo refratárias e neuroestimulação nas enxaquecas e cefaleias em salvas (Cluster Headache) crónicas refratárias (logo que possível);
  • Neuropsicologia - protocolos de avaliação de fatores psicológicos envolvidos nas enxaquecas e cefaleias de tensão crónicas e sua abordagem terapêutica;
  • Neurootologia - protocolos de avaliação otológica nos casos de enxaqueca e cefaleias de tensão com sintomas vertiginosos associados.