Imunoalergologia
Áreas de Especialização

 
Asma grave

Pretende principalmente realizar a avaliação e orientação da asma grave, de difícil controlo clínico. Esta é uma área de intensa investigação clínica nos últimos anos cuja avaliação diagnóstica atualmente recomendada inclui um conjunto alargado de técnicas em colaboração com outras especialidades. São disponibilizados tratamentos diferenciados, dos quais se destaca a terapêutica biológica anti-IgE (omalizumab). Este avanço terapêutico recente necessita de profissionais com treino e condições de vigilância médica em Hospital de Dia.

 

Alergia na criança e adolescente

Um dos focos de atenção são as crianças que cada vez mais cedo têm manifestações de alergia, quer sejam alimentares, da pele, do nariz, dos olhos ou dos brônquios (respiratórias). A Unidade de Imunoalergologia está empenhada em melhorar o diagnóstico precoce e objetivo das doenças alérgicas desde o primeiro ano de vida, bem como o despiste de causas imunológicas e alérgicas associadas a infeções de repetição.

 

Asma e alergias na grávida

A avaliação e tratamento das situações alérgicas na gravidez, atendendo às especificidades próprias da mesma e ao necessário ajuste da medicação, de modo a controlar a doença da mãe sem risco de efeitos adversos e para a futura criança.
 

No que respeita a asma durante o período da gravidez, é necessário, com frequência, um acompanhamento específico. Por outro lado, a falta de informação sobre os riscos da medicação levam frequentemente ao abandono do tratamento regular da asma, com possíveis riscos para o feto. Este serviço, em diálogo com as especialidades de Obstetrícia e de Medicina Geral e Familiar, responde às necessidades específicas do acompanhamento da asma neste período, usando medicação segura e na menor dose possível, para que as asmáticas tenham uma gravidez perfeitamente saudável, sem riscos para a própria e para a criança.
 

Asma, Alergia e Desporto

Visa a avaliação diagnóstica do atleta com suspeita de doença alérgica e a monitorização e seguimento do atleta com asma e/ou broncoconstrição induzida pelo exercício e a elaboração de relatórios clínicos e processos de notificação de acordo com as práticas recomendadas pela Agência Mundial Anti-Dopagem.

 

Alergia a Alimentos

Disponibiliza-se uma abordagem alergológica estruturada e baseada em procedimentos diagnósticos específicos, nomeadamente testes cutâneos e provas de provocação oral com alimentos frescos. É importante também excluir suspeitas não fundamentadas de reações a alimentos que podem levar à adoção de dietas desadequadas com consequências negativas para a saúde ou para a normal vida social e escolar de crianças e jovens.
 

Pretende responder às solicitações de avaliação, diagnóstico e orientação dos doentes com alergia alimentar, com particular ênfase no grupo etário pediátrico.


Pretende ainda disponibilizar ao doente com alergia alimentar grave e persistente uma nova abordagem terapêutica, a indução de tolerância a alimentos, disponível em poucos hospitais portugueses, e que necessita de profissionais com treino e vigilância médica, devendo ser realizada em regime de Hospital de Dia.
 

Alergia a Fármacos

Tem como estratégia disponibilizar uma abordagem alergológica estruturada e baseada em procedimentos diagnósticos específicos nomeadamente testes cutâneos e provas de provocação oral com fármacos.
 

Pretende avaliar, diagnosticar e orientar os doentes com alergia a fármacos, indicando alternativas terapêuticas seguras ou, quando justificado realizar procedimentos de indução de tolerância ou dessensibilização a fármacos, por exemplo a antineoplásicos, antibióticos ou na prevenção secundária de patologia cardíaca.


Finalmente, uma outra área de desenvolvimento é o despiste de causa imunológica de infeções de repetição e de sintomas inespecíficos das vias aéreas e da pele.

 

Disponibilizamos um acesso rápido (1 a 5 dias) às técnicas de avaliação alergológica e de fisiologia respiratória recomendadas internacionalmente.