Medicina Interna
Medicina Interna

Esta Especialidade dedica-se a` prevenção, diagnóstico e tratamento não-cirúrgico de doenças que afetam os adultos. Ao integrar conhecimentos dispersos pelas diversas especialidades e subespecialidades, permite tratar o doente como um todo.

 

O especialista em Medicina Interna é o médico que cuida dos doentes com as patologias mais frequentes encontradas num internamento hospitalar. Está particularmente vocacionado para ser o médico assistente do doente, ouvindo as suas queixas físicas, mas também outros problemas pertinentes, tratando-o de uma forma integral e solicitando, quando adequado, o apoio de outras especialidades. Procede à análise clínica da hospitalização e/ou consulta, onde resume a história da doença, evolução, exames e tratamentos efetuados, coordenando e integrando as opiniões de outros especialistas sobre o caso clínico do doente.

 

A sua formação generalista e vasta experiência adquirida em enfermaria, serviços de urgência polivalentes, cuidados intensivos, cuidados intermédios, unidades de AVC, cuidados continuados, geriatria, hospitais de dia e consulta externa, permite-lhe uma abordagem holística aos problemas do doente, priorizá-los, elaborar um plano diagnóstico e terapêutico, fazer diagnósticos difíceis, tratar os doentes com múltiplas patologias e com doenças eminentemente sistémicas.